02 November 2007

IT

Por que sou feia e sem it?
Por que não caminho como as cobras
Nem me enfeito de pavão?
Por que minha voz é tijolo batendo ao chão,
Não tem a suavidade do sabão de pedra
Só o azedume do limão?
Sou feia mas sou feliz
Não, Ceci,
Feia e infeliz.
Vá logo lamber sabão.

3 comments:

amilton said...

Que bom revê-la, Ceci, sob a copa da pitangueira! Não importa que voce já não tenha mais tanto tempo como tinha dantes. "O trabalho é um dever", como cantava um velho poema bem conhecido... Mas no pouco tempo que lhe sobra, você comparece a essa sombra sempre benfazeja, para alegria dos pássaros, para alegria dos amigos.
Como este aqui tão de longe...

Danilo said...

Tia
Adoramos o dia que passamos aí!!!
Muito obrigado pela recepção, e desculpa a bagunça.... Sabe como que é...!!!!

Bjos e boa semana!!!

ZAZÁ LEE said...

Que bagunça que nada!
Bagunça é o coração de Cecília que prefiro chamar de CECI!