30 March 2011

CANÇÃO DOS ALTARES


Que sol aquece o Senhor?
Que vida lhe dá esperança?
Diante de qual altar o Senhor se ajoelha
e reza, amargurado, pelo seu fracasso?
Há altares frágeis, como os meus altares,
no entanto, venho aprendendo a duras penas
que a despeito dos meus pensamentos insanos,
todos os altares são somente altares.

3 comments:

Malu said...

E nos Alteres colocamo-nos em sacrifícios... pois aprender pela dor, às duras penas é o que mais nos acontece!
Abraços

Sotnas said...

Olá Cecília, espero que tudo esteja bem contigo, e continue sempre!
Desculpe a demora em aparecer. Mas, cá estou e lendo sempre por aqui belos poemas por ti postados. E também a admirar belas imagens belas imagens!
Pois é minha cara Cecília, altares são somente altares, sendo assim o que mais importa e a fé daquele que se posta diante dos simples altares!
Este sentimento é o que importa realmente para aquele a quem endereçamos nossas orações!
Tomei a liberdade de incluir você e seu Pé de Pitanga em um desafio, assim que possível passa lá no sotblog para maiores detalhes, desde já agradeço pelos comentários carinhosos em suas visitas e por aceitar o convite ao desafio. Desejo a você e todos ao redor infinita felicidade, abraços e até mais!

llq said...

Possibly the most amazing blog that I read all year vintage wedding!?!