20 February 2008

POEMA DA MONOTONIA


O que era um rasgo de alegria
foi-se com a monotonia dos dias de agora
Hoje, quando falo arrastado
falo arrastado de fato
monotonia também nas palavras
as sílabas têm preguiça de soar
e os verbos, esses coitados
não conjugam,
soltam-se no ar.


1 comment:

ZAZÁ LEE said...

Hummmm...estou na mesma sintonia....