12 April 2009

DOR


A procissão passou ao meio dia
feito uma serpente insidiosa à minha porta.
As pretas velhas cantavam um tom acima
e o padre se aborrecia.
Já era tarde da noite
e eu fiquei lembrando da cantoria das pretas velhas
do olhar pintado de Jesus,
solavancando sob os braços dos fiéis
e da aberração do povo em contrição.

Já tive fé, mas está escondida
Já tive esperança, trancaram-na
Já tive certezas, sumiram.

A procissão repassa o que eu passei;
as penúrias das estações dolorosas
e em nenhuma delas desisti de mim e suportei.
Agora quem tem o olho pintado
e vive aos solavancos
sou eu, que chora e chora
Mas quem há de explicar a dor?
Quem é santo sentiu dor,
quem é pecador sentiu dor,

A dor deve ser uma coisa muito boa,
se procissão para ela há,
então, dignamente, sintamos dor.

1 comment:

Mahmood Syedfaheem said...

Nice blog. Beautiful photographs. God is Great. Let us pray for peace for the world. Let us protect our planet from pollution. Wish you all the best. you can add a TRANSLATOR gadget for your blog so that users knowing only ENGLISH can also relish reading your blog. you can get the link for the google gadget from my blog.
http://health-care-you.blogspot.com