17 December 2007

SER PRETO É SER FELIZ - ODE AOS PURISTAS


Quer que eu lhe conte uma historinha?
Era uma vez dois patinhos
Um preto, outro encardido
O encardido vivia desfazendo do preto
Porque era preto e não encardido
Até que um dia,
Olharam-se no espelho da água
O preto encantou-se com seu pretume
Tão lustroso pretume, tão negro,
E o encardido não achou nada bom ser encardido
Moral da história:
O que é puro ainda é o que prevalece
Nessa sociedade que não conhece a mistura
Ah, esses puristas!
Aos encardidos,
Resta a frustração de pertencer
Ao mundo dos rebaixados e humildes
Ser preto é ser feliz
Ser encardido é ser pretendente a preto
Sem nunca conseguir
E assim se conta uma história
numa noite de segunda feira
Onde a inspiração é morta
e o sono não vem.
Fim





5 comments:

Andresa said...

Simplismente lindo!!
gostei

ANDRESA said...

voltando pra corrigir

SIMPLESMENTE LINDO !!!!!

PÉ DE PITANGA said...

Andresa,
Você é o patinho negro mais lindo que eu ja vi!
Beijos

ZAZÁ LEE said...

EXCELENTE E ADORÁVEL!

ZAZÁ LEE said...

Vou comentar de novo.
Voltei a ler e amei.
Isto é legal.
Ler, reler.
Ler, reler.
Que bom eu tenho um livro aqui chamado Paixão vírgula Paixão