04 August 2008

O TEMPO É O ANEL PERFEITO


O tempo é o anel perfeito
Somos corruptíveis, mas o tempo não
Somos desviadores das nossas metas
Mas o tempo é a marcha reta
Por mais que façamos,
por mais que fujamos
ou que nos escondamos por debaixo de rochas
o tempo nos encontra,
nos alinha
e nos repara
Um dia eu disse, em minha confusão:
"Foi tempo perdido..."
Hoje rio de mim mesma, da minha ignorância,
da minha pouca visão
Mais ganhei do que pensei que perdi
Tudo que o julguei extraviado,
me voltou,
com uma força enérgica de corrida de cavalo
Sossego meu coração então,
o que penso que não tenho mais,
ja terei de volta na benigna restituição da vida
Respeito o tempo que me passa como respeitei meus pais
Porque aprendi a diferença entre a autoridade e a submissão
Meu coração agora parou de bater acelerado em busca de contestações
de acertos dos martírios...
Vivo o que vivo, e se choro,
logo me alargo
em gargalhada desregrada
Não há razão para que eu me preocupe tanto
O tempo me cura e me apura...
Todas as manhãs, e todas as noites
quando é tempo de me dedicar ao meu espírito
eu ouço o tempo que passou no dia
e o tempo de desenrolação que ainda desenrola;
Hoje e finalmente,
já descobri o que é ser felicidade.











3 comments:

ZAZÁ LEE said...

Que lindo Cecília....
Que bom vc sentir-se assim....
Fico feliz por você.

eloadir said...

Maria Cecília que coisa linda menina,você acordou inspirada e abriu seu coração que finalmente descobriu o que é ser felicidade.
Lindooooooo
beijussss
eloadir

Anonymous said...

Ci, quer lindooooo.

Beijos.

Márcia